quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Sexta-feira 13! Outro show! (post atrasado um dia)

Assisti! O sexta-feira 13 eh bem aquilo mesmo: o jason mata todo mundo e eh foda
e tem cenas de peitinhos, igualzinho nos anos 80, nada de novo, mas bacana. Eles deram uma zerada na historia do Jason... como se fosse o primeiro sexta 13, depois da matança feita pela mae dele. O pior era eu e a austriaca rindo nas mortes mais crueis do filme... acho que preciso de prozac e/ou internação.
O (outro) showzinho que eu fui foi legal, 3 bandas que eu nao conhecia, mas bacaninhas – Ivy Lies (soh de garotas), Midnight Youth e Autozamm. Baixei uns mp3 antes de ir pra ter certeza que nao era sertanejo e conheci uma musica bem bacaninha: “The Letter” do Midnight Youth. O melhor foi que logo depois ouvi ao vivo e ateh filmei no meu super N95 novo.
Tenho flatmates novos. O pior e um árabe que eh totalmente perdido. Ele colocou algo no microondas e deixou queimar. Parecia que ele tinha colocado fogo no ape. Encheu de fumaça, ta fedendo pra cacete. Isso foi ontem... o alarme soh ameacou tocar hj. Huahuahua
Esses dias tava reparando que a melhor banda de musicas para segunda feira de manha eh Soundgarden. Com letras do tipo: “o dia que eu tentei viver eu devia ter continuado na cama”,
ou: “to me sentindo sem brilho, parecendo California (ensolarada) mas me sentindo Minesota (neve o tempo todo)”
ou simplesmente: que o mundo se exploda

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

domingo, 22 de fevereiro de 2009

Genetica MALANDRA!

quer rir num dia ruim? entre na comunidade Genetica Brincalhona, no Orkut. De uma lida no forum "Onde ela te sacaneou". Salvou meu domingo.

"Carnaval brasileiro" em Christchurch!

Fui no 'so-called' carnaval brasileiro daqui. Era um amontoado de adolescente brasileiro de intercambio bebado, pirando no funk! O host era um viadao. Teve um show de um traveco vestido com fantasia de escola de samba, sambando e chacoalhando uma barriga parecida com a do Fernando. SHOW DE HORRORES! Mas por isso mesmo foi divertido... Me matei de rir.

eu tenho medo de brasileiro no exterior. nao consigo nem chegar perto. a minha impressao eh de um monte de parasita, quase me faz pensar nos chineses.

sábado, 21 de fevereiro de 2009

Jetleg... again... e vc se sente a copia da copia da copia

Por causa do jetleg nao consigo ir pra cama mais tarde que 23hs. Um lixo, pq aqui ta tendo festas loucas, bebedeiras insanas e eu nao to acompanhando. Ta certo que to preocupado com minhas coisas tb, o que me tira a capacidade de relaxar e falar bobeira com a turma. Ontem descobri pq nao se confia em amigos maconheiros. Fui meio que convidado a achar outro lugar pq o cara precisa "trabalhar".
Trabalhar significa fumar meio quilo de maconha pra escrever algumas paginas sobre um assunto qualquer...

Anyway, arranjei outro lugar pra ficar. Mas fiquei meio sem tesao pra sair. Me forcei ir no festivalzinho.Demorei uma hora pra ir. Uma garota meio hippie americana foi comigo (conheci agora, mora com meus amigos). No caminho trombei com minha amiguinha russa, a Cara. Ela fez a maior festa quando me viu. Me deu um super abraco. Fiquei feliz. Ela eh uma pessoa interessante. Tem epocas que nao consigo ficar 5 min perto dela sem querer dar um murro, e tem epocas que ela fica contando todas as desventuras amorosas dela, ou me chama pra sentar no parque vendo o riozinho passar e ficar chorando as tristezas dela. Ela confia em mim. Eh a pessoa mais apaixonada que eu conheco. Namorou um brasileiro por um ano e ama o cara ateh hj, mesmo depois de ter tomado um fora fenomenal. Vai tatuar "Ateh que a morte nos separe" no braco, em portugues mesmo. Ela eh muito intensa em tudo, parece adolescente as vezes (bom, algumas ideias sao adolescentes mesmo).

De vez em quando fico pensando, quantas vezes essa menina vai ter o coracao partido? Entretanto... ela vive mais intensamente que oitenta porcento das pessoas que conheco. Complexo.

Fui pro show, perdi a primeira banda. As outras duas eram otimas. A melhor era Vice of the Sky, com fortes influencias de Pantera. A outra era uma mistura de Walls of Jericho com System of a Down. Soh nao era tao foda pq ficou repetitiva depois das 3 primeiras musicas. Saih morrendo de fome e tinha uma barraquinha de churrasco de salsicha do lado de fora, de graca. Comi, meio na chuva. Fui pra casa e dormi. A Cara ainda me chamou pra sair mas desisti. Nao to afim. Acho que ainda to sentindo o banzo, ou soh nao quero ver todos os motivos que me deixam brochado na NZ de uma vez soh numa noite - bebida cara, falta de gente pra conversar, falta das pessoas que EU queria aqui.

humpf! parece que to deprimido aqui... nao eh bem assim. Logo me enquadro de novo. To soh me sentindo deslocado e sonado o tempo todo (jetleg). De qualquer jeito esse ano pretendo me focar muito mais nos estudos, vou deixar a farra pra quando voltar pro Brasil. Vou ser nerd aqui. :D

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

"I feel funny"!

Ótimo vídeo me passado por Guga... Eu acho que todas as crianças deveriam usar drogas. Seria muito mais divertido e suportável. Imagina pegar aquelas criancinhas que ficam correndo e gritando em volta dos pais no restaurante e dar uma bela dose de um opioide qualquer? huahuahuahuahau